LTE avança em Portugal e chega aos 102Mbps

30 03 2010

A TMN apresentou hoje aquela que considera ter sido a «primeira demonstração pública em Portugal» da tecnologia LTE (Long Term Evolution), ou seja, a quarta geração das comunicações móveis (4G), que permite velocidades de banda larga móvel de pelo menos 100 a 150Mbps, «algo que até agora só se tinha verificado em ambiente laboratorial».

A operadora do grupo PT garante que vai, nos próximos tempos, comprometer-se com «o investimento e implementação» desta nova rede, em Portugal.

«Através desta nova geração de redes móveis, é possível usufruir de maiores débitos de transferência de dados, assim como uma maior eficiência e performance no acesso a serviços de banda larga móvel que, tendencialmente, se irá aproximar da largura de banda disponível na rede fixa», explica a TMN.

As principais diferenças em relação às actuais redes 3G, além dos débitos, estão relacionadas com uma «melhor eficiência de utilização do espectro radioeléctrico e menor latência». Isto permite, assim, o acesso a serviços em mobilidade «até agora só possíveis através da Fibra Óptica ou ADSL»: jogos on-line com baixa latência, difusão de televisão em alta-definição ou vídeoconferência via mobile sem pixelização, entre outros.

A demonstração decorreu na sede da operadora nas Picoas (Lisboa) com uma placa de Internet que registou 102Mbps de download e 2,30Mbps de upload (este último um valor bastante baixo, tendo em conta as possibilidades desta tecnologia).

Tal como a TMN tinha anunciado em Outubro de 2009, serão desenvolvidos e implementados durante este ano dois projectos-piloto 4G, um em Portugal e outro no Brasil, que permitirão adquirir conhecimento no terreno e num ambiente próximo dos utilizadores das condições necessárias para a disponibilização do serviço, «assim que as regras regulatórias de ambos os países o permitirem», concluem os responsáveis pela operadora.

4G em Portugal só no Natal
A atribuição de licenças de LTE em Portugal deverá ter início em finais de 2010 e vai começar com um processo de selecção das operadoras. No seguimento da consulta pública sobre a faixa de frequências 2500-2690 MHz, cujo relatório final foi aprovado por deliberação de 17 de Junho de 2009, é de esperar que o ICP-ANACOM disponibilize esta faixa em Portugal para sistemas terrestres capazes de fornecer serviços de comunicações electrónicas, tomando como base a Decisão 2008/477/CE, de acordo com o seguinte cronograma apresentado pelo ICP-ANACOM.

Curiosidades
A primeira demonstração da tecnologia LTE foi feita em Setembro de 2006, quando a Siemens Networks (hoje Nokia Siemens Networks) em colaboração com a Nomor Research colocou uma pessoa a fazer streaming de um vídeo em HD (upload) e outra a jogar on-line (upload) na mesma largura de banda.

Em Fevereiro de 2007, a Ericsson chegou aos 144Mbps de download, durante uma demonstração.

LG e Nortel conseguiram taxas de 50Mbps numa viagem de carro a 110Km/h. Foi em Abril de 2008.

Mais uma vez a Ericsson. No mesmo mês, esta empresa apresentou a sua plataforma móvel M700, a primeira compatível com LTE. Este chip chegou aos 100Mbps de download e 50Mbps de upload.

A 14 de Dezembro de 2009 abre comercialmente a primeira rede LTE, propriedade da operadora escandinava TeliaSonera, disponível nas capitais da Noruega (Oslo) e Suécia (Estocolmo).


Ações

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: